Caldense e Cruzeiro entram em campo por vaga na semifinal do Mineiro

Duelo direto nesta quarta-feira na última rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro. Caldense e Cruzeiro se enfrentam às 21h30, no Estádio Doutor Ronaldo Junqueira, o Ronaldão, em Poços de Caldas, valendo uma vaga na semifinal da competição.

Com 20 pontos e na terceira posição, a Caldense pode até perder por dois gols de diferença que garante a classificação. Já a Raposa tem um caminho mais difícil. Com 17 pontos e na quinta colocação, precisa vencer a Veterana por três gols de diferença para passar de fase. Se conquistar a vitória, mas não abrir a vantagem necessária, vai ter que torcer por um tropeço do Atlético-MG diante da Patrocinense. O Galo está em quarto, com 19 pontos.

O técnico Enderson Moreira vai ter dois reforços para a partida. Léo testou negativo para covid-19 e viajou com a delegação para Poços de Caldas. O zagueiro tinha testado positivo para o novo coronavírus na última sexta-feira. Quem também pode jogar é o atacante Marcelo Moreno, que se recuperou de uma indisposição estomacal que o tirou da partida contra a URT.

Apesar do retorno dos atletas, tirar uma vantagem de três gols em um jogo decisivo não é fácil, como o próprio técnico Enderson Moreira afirma: “A gente tem dificuldade na questão de classificação, porque é uma diferença significativa em termos de saldo de gols, mas acima de tudo temos que estar focados em poder vencer o jogo. É o nosso papel. É um jogo muito difícil, a Caldense é praticamente a mesma equipe de antes da parada, estava muito bem classificada. Vai ser um grande desafio para todos nós”.

O Cruzeiro deve entrar em campo com Fábio; Raúl Cáceres, Cacá, Marllon (Léo) e João Lucas; Jean, Ariel Cabral, Maurício, Régis e Patrick Brey; Thiago (Marcelo Moreno).

A Caldense pode terminar a primeira fase até na liderança do Campeonato Mineiro. Se derrotar o Cruzeiro, a Tombense perder para o Uberlândia e o América não vencer a URT, a Veterana será a primeira colocada. A principal arma do técnico Marcus Grippi é o ataque. A equipe foi a que mais marcou gols até aqui no Campeonato Mineiro, com 18 assinalados.

A Caldense deve jogar com Alyson; Gabriel Tonini, Jonathan Costa, Lucas Mufalo e Verrone; André, Lucas Silva, Nathan e Rafael Rosa; João Victor e Kaíque Maciel.

REPRODUÇÃO AGÊNCIA BRASIL