Mulher suspeita de cometer duplo homicídio é presa pela Polícia Civil

Nesta terça-feira (6/4), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) cumpriu mandado de prisão de uma mulher indiciada por homicídio duplamente qualificado, ocorrido no Natal de 2020, em Malacacheta, Vale do Mucuri. A medida foi expedida após a PCMG repassar aos órgãos competentes informações recebidas de que a suspeita iria evadir-se da região, bem como de possível ameaça a testemunhas.

 

O trabalho investigativo foi concluído pela Delegacia de Polícia Civil no mês de fevereiro, oportunidade em que o inquérito policial foi encaminhado ao fórum da cidade, com o indiciamento da suspeita. No decorrer das apurações, foram realizados diversos levantamentos, que envolveram procedimentos cartorários, de campo e periciais, com a finalidade de esclarecimento dos fatos.

 

Posteriormente à remessa do procedimento investigatório à Justiça, diante das informações recebidas pela Polícia Civil acerca de possibilidade de fuga da investigada e intimidação de testemunhas, a situação foi apresentada ao Ministério Público, que representou pela prisão preventiva da investigada. Com a expedição do mandado judicial, os policiais civis chegaram ao local onde a indiciada se encontrava. Depois de finalizados os procedimentos na delegacia, ela foi encaminhada ao sistema prisional.

 

O delegado Robert Salles destaca a importância da prisão da investigada. “Essa ação reforça o compromisso da PCMG com investigações qualificadas, que visem à tutela de bens fundamentais da sociedade e à repreensão a comportamentos que os vulnerem, sempre pautada no postulado do respeito aos direitos fundamentais”, conclui.

Divulgação PCMG

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com