A casa ideal para o idoso.

Estamos vivendo mais tempo: isso é fato! A expectativa de vida vem aumentando gradativamente, por isso, falar sobre acessibilidade e qualidade de vida na terceira idade é cada vez mais importante.

Fato é que com o avanço da idade, surgem algumas complicações bem comuns, mas que merecem atenção. Problemas de visão e dificuldade de locomoção podem tornar simples tarefas do dia-a-dia em verdadeiros desafios.

É possível minimizar os impactos com pequenas adaptações no ambiente familiar. Confira alguns cuidados que podem ser aplicados em casa:

BANHEIRO

É o ambiente onde acontece a maioria dos acidentes.

Tenha atenção ao tipo de piso, os antiderrapantes são os mais indicados. Escolher um piso somente por estética pode trazer grandes riscos de quedas e fraturas.

Instalar barras de apoio próximo ao vaso sanitário e nas laterais do chuveiro podem ajudar muito, pois proporcionam apoio firme, tanto no banho, quanto nos movimentos de sentar e levantar.

Em alguns casos, usar um assento sanitário mais alto podem auxiliar o idoso. Nessa idade é comum perder a força muscular nas pernas.

Ao instalar box, prefira portas de correr ou de abrir para o lado de fora. Isso torna mais fácil a retirada de uma pessoa em caso de acidente.

ACESSO E LOCOMOÇÃO

Instale tomadas e interruptores em locais de fácil acesso. Tomadas, de preferência, na altura do interruptor, para evitar o esforço de se abaixar para ligar e desligar aparelhos eletrônicos.

Se possível, instale um interruptor próximo à cama do idoso para que não seja necessário levantar no escuro, correndo risco de esbarrar em algo ou cair no chão.

Prefira maçanetas do tipo alavanca, que são mais fáceis de manusear.

PISO E ESCADAS

Procure evitar muitos desníveis dentro de casa. Dê preferência a pisos regulares e não escorregadios. Tapetes também são uma armadilha para quedas, melhor evitar.

Quando possível, adote rampas, mas se não há como fugir da utilização de escadas, instale corrimão com firmeza suficiente para sustentar o apoio do corpo. Instale fitas anti-derrapante na ponta dos degraus; além de evitar escorregões, também identificam visualmente os degraus.

MÓVEIS E ILUMINAÇÃO

Providencie uma boa iluminação nos ambientes, com lâmpadas fortes e luz bem distribuída. Idosos com problemas de visão podem ter dificuldade em distinguir sombras de objetos.

Disponha os móveis de maneira que facilite a locomoção; evitar labirintos em casa, criados pela disposição dos móveis. Para sofás e poltronas, quanto mais firmes e pesados; melhor. Assim eles fornecem mais apoio para sentar e levantar.

Lembrando que as quedas são a maior causa de lesões na terceira idade e que um idoso pode levar até três vezes mais tempo para se recuperar de uma fratura em comparação a uma pessoa mais jovem.

Por isso, é muito importante adotar todas as precauções possíveis para melhorar a qualidade de vida e a segurança dos idosos. Cuide bem de quem, um dia, já cuidou de você!

RKIO NOTÍCIAS / EQUIMACON.COM.BR