Suspeito de aplicar golpe do falso emprego é preso após se foragir

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu o representante de uma empresa, de 36 anos, suspeito de prometer vagas garantidas de emprego para menores aprendizes em Belo Horizonte. A condição era participar de um curso pago antecipadamente, porém, após o pagamento, não havia vaga. O homem estava foragido desde o dia 28 de outubro deste ano, data em que outras quatro pessoas foram presas pelo crime.

As prisões foram cumpridas pela Delegacia Especializada na Defesa do Consumidor (Decon) após apuração sobre o crime. Mais de 100 pessoas foram vítimas dos golpes, cometidos desde 2017. Os suspeitos abrem e fecham empresas com o fim de ludibriar os consumidores e autoridades.

O homem que estava foragido foi localizado na última quinta-feira (18/11), na cidade de Pouso Alegre, Sul de Minas. As investigações continuam.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com